Unimed Brusque apresenta projeto de hospital próprio na cidade

A Unimed Brusque apresentou na tarde desta segunda-feira, 22 de abril, o projeto de um hospital próprio na cidade. Durante coletiva de imprensa, que reuniu jornalistas e comunicadores do município e região, o diretor vice-presidente Dr. Eduardo dos Santos Ballester e o diretor superintendente Dr. Diogo Edele dos Santos, revelaram os trâmites do projeto, que se encontra ainda em fase de finalização no que diz respeito à engenharia e em estudo de viabilidade financeira.

Na oportunidade, Dr. Eduardo explicou que o objetivo da Cooperativa em ter um hospital próprio é antigo. Tanto que o terreno onde deverá ser implantado o projeto foi adquirido ainda em 2008. A área possui 17 mil metros quadrados e está localizada no bairro São Luiz, anexa à sede administrativa da Cooperativa, Clínica Unimed, Clínica de Oncologia, SOS e Serviços de Atenção Domiciliar (SAD).

Quatro anos depois da aquisição do terreno, os cooperados autorizaram em assembleia o início da construção de um hospital no local. Porém, diante de uma incompatibilidade entre os projetos de arquitetura e engenharia, não foi levado adiante e uma nova empresa de arquitetura foi contratada.

Em 2015 um novo projeto de hospital foi apresentado aos cooperados, mas eles declinaram. “Eles entenderam que não era o momento adequado de iniciar a construção de um hospital, justamente pela crise que se avizinhava no país. Ali começou a baixar a saúde financeira dos nossos prestadores. Então a Unimed Brusque ora emprestava dinheiro para um hospital para que ele pudesse pagar fornecedores, ora adiantava a produção para que eles pudessem pagar a folha de funcionários, ora comprava serviços antecipados para eles pagarem o 13º salário dos funcionários, por exemplo”, comentou Dr. Eduardo.

Já em janeiro de 2017 a diretoria decidiu chamar os cooperados e definir qual o direcionamento que a Unimed Brusque deveria tomar. A partir dali foi deliberada a contratação da empresa de consultoria Ernst & Young que sinalizou que o projeto do hospital à época, estava hiperdimensionado. Diante disso, foi realizada uma remodelagem no projeto arquitetônico e em 2018 foi decidido dar sequência a isso ao invés de se investir nos prestadores atuais.

Ainda no ano passado, o projeto foi encaminhado à Vigilância Sanitária Estadual, que o aprovou no início deste ano. “Agora estamos em fase final dos projetos de engenharia e orçamentação, assim como do estudo de veículo financeiro para o financiamento deste hospital, o que deverá passar por assembleia com nossos cooperados, que deve ocorrer no terceiro trimestre deste ano”, ressaltou o diretor vice-presidente.

O Hospital Unimed Brusque terá 80 leitos e deve gerar a contratação de 300 profissionais diretos. O investimento estimado para a construção é de R$ 50 milhões. O hospital contará com Centro de Diagnóstico por Imagem, Centro de Endoscopia, Pronto Atendimento, UTIs – Neonatal e Adulta, Centro Obstétrico e terá acesso pela rua Paulo Bauer, uma transversal da rua Guilherme Wegner. O empreendimento terá 8,5 mil metros quadrados de área construída e deverá atender os beneficiários da Unimed Brusque, particulares e alguns planos de saúde que possuam autogestão. Após aprovação do veículo financeiro e do projeto final pela assembleia com os cooperados, a obra deve levar até dois anos para ser construída. “Este hospital terá exatamente o que precisamos para nossa carteira de clientes, com o padrão de hospitais Unimed, e principalmente com o jeito de cuidar Unimed. Com o hospital a gente espera nunca mais passar pelo que passamos, não fazer os nossos beneficiários passarem pela situação que passaram quando houve uma diminuição dos prestadores aqui na cidade, e principalmente, que o nosso cooperado tenha onde trabalhar”, enfatizou o médico.

Deixe sua opinião