TRE-SC suspende decisão da Justiça e Bóca continua candidato

Na noite desta sexta feira  03/06,  às 20h20 o juiz Helio Davi Vieira Figueira dos Santos, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SC), concedeu liminar em favor do Partido Progressista de Brusque (PP), e suspendeu a decisão da Justiça Eleitoral de Brusque, pela qual impugnou a candidatura de Bóca a prefeito que acontecerá no próximo domingo, 5.
 Considerou que não cabia à juíza Camila Coelho, da 86ª Zona Eleitoral, julgar o pedido de impugnação protocolado pela chapa número um,  sim à Justiça comum, tratando-se de contestação a uma decisão da Câmara de Vereadores,sendo assim o magistrado declarou nula a decisão da Justiça Eleitoral de Brusque, não cabendo a ela em assuntos que são internos na Câmara legislar , sendo que a eleição é indireta.
 Para que a Câmara de Vereadores tome as providências necessárias , ele determinou a comunicação  ao cartório eleitoral de Brusque urgentemente.
Amanhã  a mesa-diretora se reúne também para analizar o pedido de impugnação feito pelo PEN contra a chapa de Roberto Prudêncio e Danilo Rezini.

Deixe sua opinião