TEMER RECUA E RENEGOCIAÇÃO COM ESTADOS SERÁ MANTIDA

O presidente Michel Temer voltou atrás em sua pré-disposição de vetar integralmente o projeto de lei de que visa a renegociação das dívidas dos estados com a União.

“Ele sancionará a renegociação para os governos que se encontram em situação mais crítica”, informou o site globopolitico.com.br.

“A justificativa para o recuo seria para evitar a insegurança jurídica aos estados que acertaram um acordo que já está em andamento”. O governo pretende ajudar aqueles que estão “em maiores dificuldades”, como Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, “ao manter o dispositivo do projeto que trata exclusivamente da renegociação”.

Deixe sua opinião