SSP e Justiça e Cidadania planejam emprego de drones em ações de segurança pública

A Secretaria da Segurança Pública pretende usar drones em suas ações para redução dos índices de violência. “Montamos uma comissão com técnicos das secretarias da Segurança Pública e de Justiça e Cidadania para identificarmos os drones utilizados pela criminalidade e o emprego deste equipamento em ações das duas pastas”, disse o secretário da Segurança Pública, Alceu de Oliveira Pinto Júnior, ontem segunda-feira (18).

Há quatro meses no cargo, Alceu de Oliveira também espera superar a meta inicial, de 6 mil de câmeras de segurança, do setor privado, com imagens colocadas à disposição da secretaria até o final deste ano. Nesta terça-feira (19), às 16 horas, no 8º Batalhão da Polícia Militar, em Joinville,  assinará convênio para a cessão de aproximadamente 3 mil câmeras. Também participarão da reunião os comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil e o secretário do Desenvolvimento Regional em Joinville, Volnei Francisco Batista, além de empresários do setor privado.

Câmaras

Atualmente, a Secretaria da Segurança Pública conta com cerca de 2,7 mil câmeras do Projeto Bem-Te-Vi, espalhadas em mais de 115 municípios. Neste sistema, o Governo do Estado já investiu R$ 16 milhões. A câmera utilizada para o projeto é do tipo SpeedDome. Possuem campo de visão de 360º na horizontal e 90º na vertical, com magnificação ótica de 20 vezes (também denominada movimentação panorâmica, inclinada e com zoom: PTZ – Pan, Tilt, Zoom), contando com captação de imagem em alta resolução.

Empresas interessadas em ceder imagens de suas câmeras de videomonitoramento à Secretaria da Segurança Pública poderão fazer download do edital de chamamento público no Portal de Compras do Governo do Estado no seguinte endereço eletrônico: http://www.portaldecompras.sc.gov.br/?lstOrgaos=1601 , até dezembro deste ano.

Deixe sua opinião