SECRETÁRIO DO AUDIOVISUAL DO MINC PEDE DEMISSÃO

O economista Alfredo Bertini, secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura, deixou o cargo na tarde de hoje, depois de ocupar o cargo por menos de 180 dias, informou o site de “O globo” (RJ).

Em carta à sua equipe, disse que sai “com a convicção de que novos conceitos e valores foram muito bem plantados.

E isso me serve muito. Enfim, a intenção de ajustar o Audiovisual ao inevitável processo de mudanças tecnológicas, que nos leva à compreensão econômica da atividade, está aí sedimentado.

Encarar essa realidade da Economia no Audiovisual, mesmo em tempos de dificuldades fiscais, é um desafio hoje palpável.

Os instrumentos já estão delineados. Ademais, a prioridade de se promover a capacitação profissional para o enfrentamento dessa realidade econômica também está ao alcance”.

Deixe sua opinião