Projeto ‘Eu Ajudo na Lata’ contempla 9ª pessoa com cadeira de rodas

Para a maioria das crianças de 9 anos a lista de pedidos de presentes de Natal, nesta época do ano, é enorme, desde brinquedos, eletroeletrônicos, livros, até viagens e passeios em parques de diversão. Entretanto para o pequeno Wellington Guilherme Dias Silva, o presente de Natal já chegou antecipado e vai render muitos sorrisos a partir de agora. Isso porque ele foi o nono contemplado com uma cadeira de rodas adaptada, através do projeto ‘Eu Ajudo na Lata’.

A doação, realizada na tarde de quarta-feira, 19 de dezembro, foi ainda mais especial, já que esta é a primeira cadeira de rodas de Wellington, que até então dependia de outros utensílios para sentar, descansar ou se locomover, como um carrinho e cadeiras de praias.

Wellington nasceu prematuro, com 28 semanas e teve paralisia cerebral. Desde então os pais Wesla Daiane Lima Silva e Francisco Genilson Dias Silva dedicaram suas vidas em prol do bem estar e da qualidade de vida do filho, que agora permitirá melhores condições de saúde e de vida para toda a família. “A cadeira vai ajudar na postura dele, na coluna, já que ele está com desvio, e sem dúvida só trará melhorias. Para nós vai ser muito mais fácil a partir de agora, não vamos mais depender de outras cadeiras que adaptávamos, vamos poder sair com ele, passear. Por ser uma cadeira de custo muito alto não conseguiríamos comprar. Sem dúvida foi o melhor presente de Natal que poderíamos ter. Estamos muito felizes e agradecemos a todos que contribuíram para a campanha”, comentou a mãe, bastante emocionada.

Pequeno gesto, grande resultado

A campanha ‘Eu Ajudo na Lata’ é realizada desde 2014 pela Unimed Brusque em parceria com a Associação Empresarial de Brusque (ACIBr) e já contemplou nove pessoas com necessidades especiais, transformando a vida tanto dos beneficiados e das famílias. Para a aquisição da cadeira de Wellington foram necessários 695 kg de lacres, que totalizaram R$ 2.781,00.

Durante a entrega da cadeira, que ocorreu na Apae de Brusque, o vice-presidente da instituição, Renato Roda destacou a satisfação em ver mais um aluno ser contemplado, por meio de ações de toda a comunidade. “É uma atitude simples que pode mover muita gente. E o engajamento de toda a comunidade nessa campanha foi o que possibilitou a arrecadação dos recursos e garantiu o presente de Natal, e a alegria e emoção dessa família, e isso é algo que não tem preço”, declarou.

Da mesma forma a coordenadora da área de Responsabilidade Social da Unimed Brusque, Camile Rebeca Bruns destacou a importância da doação pela necessidade da família e que agora terá melhores condições de lidar com o pequeno Wellington. “Fechamos 2018 da melhor forma e hoje entendemos a emoção dos pais em terem sido contemplados, pois vimos de perto a realidade deles e quanto eles se esforçavam para adaptar carrinhos e outras cadeiras para o filho. Esperamos que mais pessoas e entidades possam se envolver em 2019 nessa campanha, para beneficiar ainda mais aqueles que não têm condições de adquirir uma cadeira dessas”, frisou.

 A coordenadora administrativa da ACIBr, Bernadete Loos Moritz também frisou a importância das doações, que mesmo em pequenas quantidades contribuem de forma significativa para a campanha e transformam vidas. “Esse momento da entrega é sempre uma enorme satisfação. Cada ano entregamos mais cadeiras de rodas, fruto das vendas dos lacres, e essa é a nossa maior conquista e alegria, ver o empenho de todos que fazem esse projeto acontecer e dar certo”, completou.

Como colaborar

Para participar é necessário levar a doação dos lacres de latinhas de alumínio em algum dos postos de coleta da campanha, disponíveis na ACIBr, Unimed, CDL, Apae, e em demais entidades apoiadoras do projeto. Não é necessário doar um grande volume de lacres, qualquer quantidade é valida e já ajuda o projeto.

Os lacres são pesados, vendidos e o valor arrecadado é voltado para a aquisição das cadeiras adaptadas.

Desde 2014 a campanha ‘Eu ajudo na Lata’ é realizada em Brusque e até dezembro de 2018, foram arrecadados mais de 7 mil kg de lacres.

As cadeiras de rodas adaptadas, adquiridas através da campanha já beneficiaram as seguintes pessoas com deficiência: Edson Francisco Furquim (24 anos), Marise Poli (24 anos), Nayane Monteiro dos Santos (4 anos), Daiane Cardoso Ribeiro (17 anos), Daniela Lessa Antunes (28 anos), Cauã Cesário dos Passos (11 anos), Richard Gustavo Teske (18 anos), Davi Matulle Cesaro (5 anos) e desta vez Wellington Guilherme Dias Silva (9 anos).

Todos eles são alunos das Apaes de Brusque, Guabiruba ou da Escola Charlotte. A escolha do beneficiado leva em consideração a necessidade do aluno e da família e a compra da cadeira envolve diversos profissionais para que a doação seja útil e adequada para cada tipo de deficiência.

São apoiadores da campanha: as Apaes de Brusque e Guabiruba, Escola Charlotte, Rotary, Lions Clube de Brusque Berço da Fiação, Rede Feminina de Combate ao Câncer, CDL Brusque, Unifebe, além de escolas particulares e instituições públicas de ensino.

Deixe sua opinião