Prefeitura e Souza Cruz assinam acordo de desapropriação para a construção da Vila Olímpica

O ano não poderia terminar de maneira melhor para os brusquenses. Na manhã desta segunda-feira (22), o prefeito Paulo Eccel recebeu os representantes da empresa Souza Cruz e juntos realizaram a assinatura do acordo de desapropriação do terreno onde será construída a Vila Olímpica. O terreno que tem uma área de 485.667,00 m² localizado as margens da Rua Abraão Souza e Silva (conhecida como Estrada da Fazenda) pertencia a empresa Souza Cruz. 
O processo desapropriação teve início ainda na metade do ano. Em seguida, representantes do governo municipal, inclusive o próprio prefeito se reuniu com os diretores da empresa para chegar ao acordo em relação ao valor desapropriação das áreas. “Estamos aqui para oficializar o presente de Natal para a cidade. Brusque a partir de hoje pode dar passos firmes, mais sólidos na busca desses nossos objetivos que é ter a Vila Olímpica”, destacou o prefeito. 
 Após avaliações feitas por peritos da prefeitura e também da empresa a área total aumentou para 485.667,00 m² . De acordo com o diretor do Gabinete, Gustavo Halfpap, serão investidos R$ 6.100,00 milhões. Desse valor quase R$ 3 milhões já estão depositados na conta da empresa. O restante do saldo será depositado numa parcela extra  no mês de janeiro de 2015 e as demais parcelas iguais até maio de 2016.

Incentivo ao projeto
Todo processo de desapropriação foi acompanhado por uma equipe de diretores da empresa Souza Cruz. Durante a apresentação todos foram unanimes em destacar a grandiosidade do projeto e a preocupação da administração em criar um espaço que irá contemplar diversas modalidades, além da cultura do município.
“Para a Souza Cruz é uma alegria fazer parte desse projeto porque vai transformar Brusque numa cidade ainda mais diferente para o melhor. Nunca vamos esquecer da cidade e desse vínculo que criamos com Brusque. Parabéns ao prefeito pela iniciativa, persistência e paciência durante todo esse processo”, disse o diretor Dimar Paulo Frozza.

Consulta popular 
Após a apresentação inicial a população também participou dando ideias ao projeto na consulta popular realizada pelo site da prefeitura. Mais de 100 sugestões foram dados e a partir de agora serão incluídas no projeto. 
Segundo o prefeito, em janeiro de 2015, além dessas ideias, todos os representantes das entidades envolvidas serão chamados para uma reunião onde será discutido a efetivação do projeto. “É uma alegria nesse momento poder concretizar essa etapa importante de um projeto que estava no meu Plano de Governo. Quando retornamos em janeiro vamos nos reunir com todas as entidades envolvidas e efetivar o projeto”, finalizou. 

Vila Olímpica 
O maior complexo esportivo, cultural e de lazer que será construído pela Administração Municipal em parceria com entidades e clubes da cidade inclui praça desportiva, estádio municipal, campo auxiliar de futebol, alojamento de atletas, complexo aquático, complexo de atletismo, área para o CTG, área para a Fenajeep, estacionamentos, kartódromo, bicicross, motocross e praça central, além de ter capacidade para abrigar eventos de médio e grande porte. 

O encontro realizado no Salão Nobre contou também com presença de vereadores, secretários, servidores municipais, imprensa e do diretor de Assuntos Corporativos da Souza Cruz, Fernando Pinheiro, gerente financeiro, Clinio José Bernardi, gerente de operações, Paulo Kuroski e o advogado da empresa, Orlando Celso da Silva Neto. 

Deixe sua opinião