Polícia Civil realiza operação de combate ao roubo de cargas

A Divisão de Furtos e Roubos de Cargas da Diretoria Estadual de Investigações Criminais deflagrou nesta sexta-feira uma operação que identificou um grupo criminoso responsável pelo roubo de uma carga de polipropileno avaliada em R$ 113 mil ocorrido em janeiro.

A ação cumpriu mandados judiciais nas cidades de Araquari, Penha, Gravatal e Joinville. Segundo a investigação, os criminosos enganavam o sistema de monitoramento do caminhão, retirando-o do veículo e o implantando em um carro, que realizou o percurso normal da carga. Enquanto isso, o caminhão com a carga de polipropileno seguia para lugar desconhecido.

O veículo que estava com o rastreador realizou o percurso do caminhão, inclusive na mesma velocidade, sendo que no Estado de São Paulo, o rastreador foi retirado do veículo e descartado. Com a perda do sinal do rastreamento, o roubo era simulado.

O motorista do caminhão simulava também ter sido sequestrado, quando na realidade estava em um hotel aguardando orientações do grupo. No dia seguinte ao descarte do rastreador, seguiam para uma delegacia de polícia, onde narravam o falso roubo. Como estratégia para dificultar a ação policial, o grupo registrava o boletim de ocorrência em outra unidade da federação.

Na ação de hoje, foram apreendidos diversos documentos, objetos e veículos.

 

Deixe sua opinião