POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO E PRENDE SETE TRAFICANTES EM SC E RS

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de São João Batista, deflagrou uma operação interestadual denominada Carpule, visando o cumprimento de oito mandados de prisão temporária e cinco de busca e apreensão, em São João Batista, Biguaçu, Florianópolis, além do município gaúcho de Cachoeirinha.

Inicialmente, o inquérito policial fora instaurado para apurar crime de roubo praticado no dia 20 de janeiro deste ano, na clínica odontológica Odonto Excelence, em São João Batista.

Todavia, a equipe de investigação da Policia Civil Batistense, após quase quatro meses de monitoramento diário dos criminosos, descobriu que o responsável pelo assalto integrava grupo criminoso destinado à venda de drogas, encontrando na prática de crimes patrimoniais, como o ocorrido no estabelecimento de odontologia, uma forma de financiar o narcotráfico.

A organização criminosa era formada, ainda, pela esposa do suspeito e por mais um casal. Os traficantes atuavam na região do bairro do Rio Vermelho, em Florianópolis, valendo-se do expediente conhecido como “Disk Drogas” para concretizar a venda do entorpecente.

Durante o período de investigações, os investigadores da Delegacia de Polícia de São João Batista também apuraram que os suspeitos se deslocavam pelo menos uma vez por mês até a cidade Cachoeirinha/RS, a fim de buscar o entorpecente a ser comercializado em Santa Catarina.

No município gaúcho, o responsável por intermediar o fornecimento da substancia também foi identificado e detido, com apoio da Polícia Civil local. Com o passar do tempo, o grupo criminoso ganhou maior envergadura e fizeram novas parcerias, as quais foram desmanteladas.

A megaoperação contou com o apoio de Policiais Civis da D.I.C e S.I.C de Brusque, CINI Florianópolis, Delegacia de Polícia do Município de Governador Celso Ramos, Delegacia de Polícia do Município de Nova Trento, Delegacia de Polícia do Município de Major Gercino e Delegacia da Polícia da Comarca de Cachoeirinha/RS. 29 Policiais Civis participaram.

As investigações continuam e mais prisões podem ocorrer nos próximos dias.

 

Deixe sua opinião