Polícia Civil de Santa Catarina é destaque no balanço da operação #PC27

O CONCPC (Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil) divulgou na manhã desta quinta-feira, 25, o balanço final da Operação #PC27 deflagrada na quarta-feira em todo o país para cumprimento de mandado de prisões, busca e apreensões. E o desempenho e produtividade da Polícia Civil de Santa Catarina mais uma vez foi um dos melhores a nível nacional.

PC27 Morro da Fumaça 2

Armas apreendidas em Morro da Fumaça – Divulgação/PCSC

Estado foi o terceiro onde maior número de pessoas com sentença condenatória foram presas durante a #PC27 (107), atrás apenas de São Paulo (671) e Mato Grosso do Sul (121). Em todo o País, 1.264 pessoas com prisão decretada pela Justiça foram detidas durante a #PC27.

No total de prisões, Santa Catarina foi o sétimo no balanço do CONCPC.

Das 3.143 prisões efetuadas em todo o Brasil, 181 (5,75%) foram realizadas no Estado. Pela ordem, São Paulo (1.002), Rio de Janeiro (235), Goiás (202), Mato Grosso do Sul (193), Mato Grosso (187) e Ceará (183) ficaram à frente de Santa Catarina.

PC27 Lages 2

 

Como foi a operação #PC27

Em Santa Catarina, foram mobilizados 731 policiais civis e 239 viaturas, sendo cumpridos 132 mandados de busca e apreensão, com 20 armas de fogo apreendidas.

No total, foram presas 181 pessoas – 107 com sentença condenatória, 52 preventivamente, duas temporárias e 20 em flagrante -, e apreendidos 14 adolescentes – sete com decisão definitiva, seis provisoriamente e um em flagrante.

Em Florianópolis, numa ação da Decod (Delegacia de Combate às Drogas), foram apreendidos diversos aparelhos celulares, notebook, um artefato explosivo e aproximadamente R$ 200 mil.

Deixe sua opinião