Nova diretoria do Sinapro SC toma posse e publicitários analisam cenários da propaganda catarinense

Agências, veículos, representantes de entidades do setor e autoridades prestigiaram o evento

diretorias_e_conselhos_fiscal_e_de_etica_sinaprosc.jpg

Foto: Divulgação
Diretorias e conselhos Fiscal e de Ética
Na última quinta-feira (19), profissionais que integram o setor de comunicação catarinense prestigiaram o evento que celebrou o início da gestão com a diretoria eleita para o próximo biênio no Sindicato das Agências de Propaganda de Santa Catarina (Sinapro SC).O evento contou com a presença do secretário de Estado da Comunicação, Walter Bier e do presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina, César Abreu. A presença do presidente da Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acaert), Rubens Olbrisch, do presidente do Grupo RIC, Marcello Petrelli, do vice-presidente do SBT/SC, Carlos Amaral, do presidente de Operações do Grupo RBS em Santa Catarina, Mario Neves e do diretor Comercial e de Marketing da RBS TV, Delton Batista, demonstrou a parceira entre as agências e a mídia regional.
Fortalecimento do setor

As entidades que integram o Fórum da Indústria da Comunicação Catarinense (FICC), presentes na cerimônia defendem a união do setor pelo fortalecimento das empresas em todas as áreas e nas novas demandas da comunicação. “Tenho de agradecer à equipe do Sinapro SC e a toda a diretoria, Executiva e Regional, também à Fenapro e aos parceiros do trade pelo que realizamos juntos nos quatro anos da gestão”, afirmou Rosa Estrella, abrindo a cerimônia de posse. Ela disse estar confiante e feliz pelo presidente, Pedro Cherem e a diretoria que o acompanha no mandado dos próximos dois anos para mais avanços no setor.Pedro Cherem fez uma análise do cenário da comunicação de marcas, passando pelas transformações que a tecnologia promove na propaganda e no perfil do consumidor. “A propaganda está mais humanizada e o Big Data nos permite conhecer mais profundamente o consumidor a ponto de revolucionar a comunicação das marcas”, disse. Neste contexto, Cherem inclui o futuro das agências na pauta prioritária de sua gestão, envolvendo as diretorias Regionais numa missão que atribuiu a todo o trade da comunicação. “É hora de nos reinventarmos e de combatermos as house-agencies com mecanismos mais pró-ativos como este Conselho de Ética que compomos”, convocou. O secretário de Estado da Comunicação, Walter Bier defendeu a posição do Sindicato e disse que o momento é de desafios, mas de oportunidades também. “Precisamos de novos líderes em todas as áreas no País e no setor de agências vocês têm atuado muito bem”, opinou Bier.

Deixe sua opinião