Motorista de Jaguar que ocasionou o acidente que matou duas jovens está preso preventivamente

O motorista do Jaguar, Evanio Wylyan Prestini, que provocou o acidente que matou duas jovens, Amanda Grabner, de 18 anos, e Suelen Hedler da Silveira, de 21, teve a prisão em flagrante convertida em prisão preventiva.

Ele poderá responder, pelo menos, por tripla tentativa de homicídio e duplo homicídio qualificado.

“O conduzido possuía outras alternativas para evitar o efeito danoso, mas aceitou a possibilidade de vitimar terceiros ao invés de aguardar até que tivesse condições de conduzir seu veículo com segurança. Não há dúvidas de que a capitulação do delito deve ser alterada para duplo homicídio qualificado e tripla tentativa de homicídio”, disse Claudia Inês Maestri Meyer, juíza de plantão.

Foto Divulgação/Corpo de Bombeiros

Deixe sua opinião