Investigado em caso de Homicídio é Preso em Brusque

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (1), uma operação com 45 agentes das polícias Militar e Civil de Brusque, São João Batista, Blumenau e Balneário Camboriú conduziu diversas pessoas, inclusive uma delas em prisão temporária, para esclarecer os motivos do homicídio duplo que aconteceu no bairro Limeira, no dia 8 de janeiro.

A operação aconteceu no Loteamento Dom Nelson, e teve como destaque a prisão temporária de Lucas Rodrigues da Silva, conhecido como Cascavel.
Segundo o delegado Alex Bonfim Reis, as investigações em torno do duplo homicídio davam conta de que o crime foi vinculado ao tráfico de drogas, pois o casal era usuário.
E ao longo dos trabalhos, os suspeitos do crime fugiram de um residencial próximo para o Loteamento Dom Nelson, através de uma estrada de chão.
Com depoimentos, laudos e outros documentos foi identificado que eles foram mortos com disparos de arma de fogo e também com o uso de um soco inglês. Com isso, vários mandados de busca em residência foram expedidos, foram encontrados em uma das residências 23 petecas de cocaína prontas para venda, além do soco inglês. Já Lucas também foi levado por conta da prisão temporária que foi decretada. Outras três pessoas foram conduzidas até a Delegacia de Polícia para depor sobre o fato. O capitão Ciro Adriano da Silva, do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT), salientou a rápida resposta das forças de segurança na resolução do caso, menos de um mês após o crime.
Ele destacou também a surpresa causada pela operação nos suspeitos, evitando qualquer reação ao trabalho da segurança.

Deixe sua opinião