Inscrições para residência em gestão pública terminam na quinta-feira pós Carnaval

Termina na quinta-feira, 2 de março, o prazo para inscrições no processo seletivo para preenchimento de cargos comissionados em prefeituras no Programa de Residência em Gestão Municipal – PRGM, voltado para egressos de cursos superiores de Administração e do campo de públicas (Administração Pública, Políticas Públicas, Gestão Pública, Gestão Social, Gestão de Políticas Públicas e Ciências do Estado).

O Programa de Residência está sendo gerido pela Fundação Escola de Governo ENA e integra o 3º eixo “Excelência na Gestão Pública” do Projeto Qualifica – Mandato de Excelência, que tem como objetivo qualificar a administração pública municipal por meio de uma equipe de residentes-especialistas, auxiliando na transformação de municípios.

São 10 as prefeituras participantes da 1ª edição do PRGM: Blumenau, Rio do Sul, Palhoça, Camboriú, Mirim Doce, Laguna, Nova Trento, Gaspar, Massaranduba e Rio Negrinho.

O PRGM será desenvolvido em duas etapas simultâneas: uma prática de residência em gestão municipal, com o desenvolvimento dos projetos estratégicos definidos pela Prefeitura parceira, com o acompanhamento de mentores-docentes da área; e a outra de aperfeiçoamento teórico, através de curso com a duração de 120 horas, conforme cronograma a ser definido pela Fundação ENA.

O Projeto Qualifica  foi idealizado pelo TRE catarinense e desenvolvido em parceria com a ENA, a Ordem de Advogados do Brasil, o Governo do Estado, a Escola do Legislativo, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o Ministério Público de Santa Catarina, o Tribunal de Contas do Estado, a Universidade do Estado de Santa Catarina, a Universidade Corporativa do Banco do Brasil, a União dos Vereadores de Santa Catarina e a Federação Catarinense de Municípios.

O diretor-geral do TRE e  vice-diretor da Escola Judiciária de Santa Catarina, Sergio Manoel Martins, reforçou o caráter inovador da proposta por possibilitar o preenchimento de cargos comissionados por pessoal técnico. A iniciativa, lembrou ele, começou antes das eleições de 2016 com o programa de qualificação dos candidatos eleitos e, posteriormente, com o Projeto Qualifica, Mandato de Excelência. “Agora, é o terceiro eixo desse projeto que tem como função específica a qualificação da administração pública, o aperfeiçoamento da gestão pública”, sintetizou.

Jairo Grisa
Assessoria de Comunicação Social do TRE-SC

Deixe sua opinião