Feira de empregos movimentou UNIFEBE no fim de semana

Para quem estava em busca do primeiro emprego ou de uma oportunidade de recolocação no mercado de trabalho, a UNIFEBE ofereceu mais de 1 mil atendimentos no sábado, 30 de junho, durante a primeira edição do “Comunidade na UNIFEBE”. O evento, voltado à empregabilidade, também contou com apresentações culturais, recreação e lazer, além de oficinas de atividades de extensão e iniciação científica e a participação de exposições de entidades parceiras.

Empregabilidade

Embora tenha apenas 15 anos, o estudante do 1º ano da Escola Dom João Becker, Felix Matheus dos Santos Lima, já entende a importância de estar inserido no mercado de trabalho. Por isso, aproveitou o “Comunidade na UNIFEBE” para fazer contato com as empresas em busca de uma oportunidade como Menor Aprendiz.

— Quanto mais cedo começar, mais chances de logo conseguir um emprego. Tenho bastante vontade de trabalhar. Este é um evento muito bom para ajudar quem precisa — define.

Com o mesmo intuito, Daniela Ferreira, 17 anos, veio à UNIFEBE participar de oficinas e fazer contato com as empresas que participaram da feira de empregos.

— Agora que já tenho idade, estou procurando meu primeiro emprego registrado. Como não tenho experiência, estou fazendo tudo o que posso para facilitar esse processo. Achei muito boa essa oportunidade, conversei com o pessoal das empresas, fiquei sabendo de algumas vagas e já cadastrei meu interesse. Gostei muito. Achei o evento e a UNIFEBE muito bem organizados — elogia Daniela.

O evento também foi importante para quem busca uma recolocação no mercado de trabalho. Como é o caso de Sara Ferreira, 32 anos, que está otimista com os cadastros feitos nas agências parceiras.

— Estou desempregada no momento. Tive experiência como monitora em escola, mas estou disponível para o que aparecer, mesmo se precisar aprender, estou bem-disposta. Fiz dois cadastros e espero que dê tudo certo — torce.

Comunidade

O evento também foi uma oportunidade de conhecer a estrutura da UNIFEBE no Campus Santa Terezinha. Para aproveitar as atividades de lazer e o sábado, Vladimir dos Santos, 42 anos, prestigiou o evento com toda a família.

— Eu achei incrível, muito legal o projeto. Nunca tinha vindo até à UNIFEBE, apesar de minha filha estudar aqui, mas aproveitei para conhecer tudo. Visitei todos os blocos e fiquei impressionado com a estrutura da Instituição — conta.

Segundo a pró-reitora de pós-graduação, pesquisa e extensão, Edinéia Pereira da Silva Betta, o evento superou as expectativas.

— Já tínhamos consolidado o UNIFEBE na Comunidade, quando levávamos nossos cursos e serviços até bairros e escolas de Brusque. Dessa vez invertemos o formato do evento e ficamos muito felizes com o resultado. Desde o início percebemos bastante movimentação do público procurando nossos serviços e a feira de empregos. Temos certeza de que este será o primeiro de muitos — afirma.

Deixe sua opinião