EXCLUSIVO-“A barragem de Botuverá está entre as nossas prioridades”, diz Colombo

Em entrevista exclusiva ao JORNAL EM FOCO, o governador Raimundo Colombo falou sobre dois temas importantes para a região de Brusque: as obras da rodovia Antônio Heil e a barragem de Botuverá. Esta obra, segundo Colombo, está entre as prioridades do seu governo. Disse que, embora esteja com todos os pagamentos em dia, os trabalhos de duplicação da rodovia Antônio Heil “não estão andando na velocidade desejada”.

As obras de duplicação da rodovia Antônio Heil estão dentro do cronograma estabelecido?
Estamos com todos os pagamentos em dia, mas os trabalhos para a obra duplicação não estão andando na velocidade desejada. A obra está avançando, mas vamos cobrar mais agilidade porque essa é uma duplicação muito importante para a região e queremos entregar para a comunidade o quanto antes.

Qual o montante do investimento nesta obra?
A rodovia duplicada vai trazer mais segurança para quem mora nestas cidades e mais agilidade para o escoamento da produção de indústrias, no caminho para os nossos portos. É um investimento muito grande, cerca de R$ 140 milhões, o que comprova o nosso reconhecimento com a importância da região. Além dos 21 quilômetros que estão sendo duplicados em Itajaí, também está sendo duplicado outro trecho com cerca de três quilômetros, dentro de Brusque, por meio de convênio que firmamos com a empresa Irmãos Fischer para transferência de recursos do ICMS da empresa diretamente para a obra.

Como estão as obras nas barragens de Ituporanga e Taió?
Terminamos as obras de melhorias nas barragens de Ituporanga e de Taió, que vão beneficiar toda a região do Vale do Itajaí. A inauguração oficial é agora em abril, mas os trabalhos já estão prontos, com as barragens ampliadas em dois metros de altura cada uma, além de ambas terem ganhando maior capacidade de vazão. Mas sabemos que temos muito a fazer ainda nessa área.

Brusque e região tem grande expectativa quanto as obras da barragem de Botuverá. Em que estágio está este projeto?
A barragem de Botuverá está entre nossas prioridades. O projeto está pronto. Conseguimos resolver uma pendência com o ICMBio, que nos tomou muito tempo, e agora estamos aguardando a licença ambiental prévia. Assim que tivermos o documento, podemos licitar e começar a obra, o que esperamos que ocorra o mais rápido possível.

Deixe sua opinião