Ex-ministro diz não saber de quem são os US$ 800 mil em sua conta na Suíça

Já olhou o saldo da sua conta hoje? Cuidado, pode ter dinheiro que não é seu lá dentro! Foi o que aparentemente aconteceu com o ex-ministro do Turismo e ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves, coitado. Inveatigado pela Operação Lava Jato, ele alegou na Justiça que terceiros – bem malvados – movimentaram US$ 832 mil em uma conta na Suíça que o tem como beneficiário.

O dinheiro foi depositado em três partes, entre outubro e dezembro de 2011. Alves afirma que abriu a conta através de um escritório de advocacia do Uruguai, mas não sabe de onde vieram ou para onde foram os dólares, informa o G1. Alves foi demitido do ministério do Turismo em junho do ano passado após ser citado na delação do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado.

Deixe sua opinião