BEIRA RIO 60 DIAS APÓS A CHEIA DO RIO ITAJAÍ MIRIM

Sessenta dias, é o tempo que completa hoje, 21 de dezembro, da última cheia do rio Itajaí Mirim em Brusque. Depois de dois meses ainda é visível o abandono de pequenos reparos que poderiam e deveriam ter sido realizados pelo bem público.
É difícil entender que uma pasta como a Secretaria de Obras, com 12 pessoas em cargo de direção com gratificação não dão conta de refazer pequenos consertos após uma cheia.
Doze diretores e nenhum resultado efetivo de melhorias nas ruas de Brusque. Falta comando na cidade de Brusque.
É muito fácil para o interino Roberto Pedro Prudêncio Neto ir a uma rádio local e dizer: “Quem manda na prefeitura é o prefeito e ponto!”, pois se esta é a forma dele mandar estamos bem encrencados.
Calçadas da Beira Rio, 60 dias danificadas pela cheia do rio Itajaí Mirim e até o momento nada de recuperação, sequer uma limpeza foi feita, nem ao menos retirar o mato que cresce livremente.

Quem manda na prefeitura é o prefeito. Brusque, orai!
Fundos do Fort Atacadista – Centro
Próximo a Creche Sofia Dubiela – Santa Rita
Próximo a Creche Sofia Dubiela – Santa Rita
Próximo Unifebe – Santa Terezinha

Próximo Unifebe – Santa Terezinha

Próximo Unifebe – Santa Terezinha

Deixe sua opinião