Bebê encontrado morto em Santa Cecília

Polícia Civil pede ajuda da população para identificar mãe que abandonou recém-nascido

O caso de um recém-nascido encontrado morto, atrás de uma capela, no bairro São Cristóvão, em Santa Cecília, no último domingo (8), chocou a região. O bebê foi localizado por uma moradora do local, que acionou a Polícia Militar.

De acordo com a PM, por volta de 17h30min, a guarnição foi acionada até a Rua Lucas dos Santos Souza, onde crianças que jogavam bola teriam encontrado um bebê morto. Ao chegar ao local, os policiais localizaram a criança, do sexo masculino, ainda com cordão umbilical. Ela teria nascido há pelo menos dois dias, sendo abandonada atrás da capela do bairro.

Após a confirmação do óbito, pelo Corpo de Bombeiros, iniciaram as investigações da Polícia Civil para identificar a responsável pelo abandono do bebê. A comunidade pode auxiliar os policiais na busca pela mãe que abandonou a criança, repassando informações pelo telefone (49) 3244-2046. O nome dos denunciantes será mantido em total sigilo.

De acordo com o promotor de Justiça José Geraldo Rossi da Silva Cecchini, o inquérito policial tem 30 dias para ser concluído e, após esse período, deve ser encaminhado ao Ministério Público. A partir da análise do fato e das provas apresentadas, a Promotoria poderá determinar se houve crime e, nesse caso, como se enquadra. “Tudo depende das circunstâncias. Dependemos da análise do caso concreto para definir o andamento do processo”, explicou.

Último caso

O último caso de bebês abandonados, registrado na região, ocorreu em 28 de julho de 2010, quando dois fetos, com seis meses de gestação, foram encontrados por um catador de recicláveis, na Rua Santa Catarina, fundos da Caixa Econômica Federal, em Curitibanos.

Ele relatou à Polícia que teria visto uma mulher bem vestida, alta, de cabelos pretos e longos, entrar em um terreno baldio e jogar uma trouxa. Após se desfazer do embrulho, ela saiu a pé em direção ao Centro da cidade. Curioso, o catador abriu a trouxa e deparou-se com os fetos.

Os bebês foram recolhidos por policiais civis de Curitibanos e encaminhados ao IML de Lages para perícia. Na calçada, havia manchas de sangue. O caso não foi solucionado.

Deixe sua opinião