Bancada do PT da Assembleia Legislativa divulga nota de pesar pela morte de Marisa Letícia

Esposa do ex-presidente Lula faleceu na manhã desta quinta-feira (2) após sofrer um AVC

A bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) divulgou nesta quinta-feira (2) uma nota de pesar lamentando a morte de Marisa Letícia, esposa do ex-presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva.

A ex-primeira-dama Dona Marisa Letícia deve passar nesta sexta-feira (3) por um protocolo de avaliação de morte cerebral que, pelas regras estabelecidas, poderá se estender ao longo do dia de hoje.
O primeiro exame deve acontecer às 12h, e o segundo pelo menos seis horas após o primeiro, às 18h, para comprovar a perda definitiva e irreversível das funções cerebrais. Os procedimentos de doação de órgãos só podem ocorrer após a conclusão do protocolo.

Confira nota na íntegra: 

Nota de Pesar

A Bancada do Partido dos Trabalhadores da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) lamenta profundamente o falecimento de Marisa Letícia, esposa do ex-presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva, ocorrido na manhã desta quinta-feira (2). A líder da Bancada do PT, deputada Luciane Carminatti, ressalta que Dona Marisa foi a companheira de sonhos e esperanças de Lula e enfrentou com muita garra e determinação o período difícil do país que foi a ditadura militar. “Sempre esteve ao seu lado nas grandes causas e lutas do povo”, afirmou.

O deputado Dirceu Dresch lembrou que Dona Marisa, assim como Lula, foi fundadora do Partido dos Trabalhadores e cúmplice de uma história de luta pela democracia, de um projeto que resultou em um Brasil menos desigual, que deu dignidade e direitos aos trabalhadores. “Mulher de fibra, honrada, querida pelo povo brasileiro, vinha sendo vítima de uma campanha de ódio, perseguição e graves injustiças. Nossa solidariedade à família do companheiro Lula”, comentou.

A deputada Ana Paula Lima lamentou a perda de uma grande mulher, mãe e avó zelosa, companheira combativa da trajetória do Lula e de sensibilidade sem igual. “Marisa Letícia estará sempre em nossas lembranças e temos a certeza que fará muita falta para todos nós que sonhamos por um país mais humano, justo e honesto.” O deputado Neodi Saretta destacou que como primeira dama do país, Dona Marisa nunca quis aparecer mais que o presidente e será lembrada também por seu sorriso e gentileza.

Para o deputado Padre Pedro Baldissera, a história de luta de Dona Marisa, em sua militância, como trabalhadora, como companheira e como mãe, deixa um testemunho de que a caminhada se constrói dia a dia e, em grande parte, nos pequenos gestos de comunhão e carinho; seja na casa de pau a pique onde ela nasceu, ou em qualquer lugar do mundo, ao lado de um chefe de Estado com quem construiu uma vida. “Fica uma lacuna, mas também uma história de amor e de luta militante”, lastimou.

Bancada do Partido dos Trabalhadores

Deputada Ana Paula Lima
Deputado Dirceu Dresch
Deputada Luciane Carminatti – Líder
Deputado Neodi Saretta
Deputado Padre Pedro Baldissera

Deixe sua opinião