Análise aponta número de contratações e desligamentos em Santa Catarina

Variação entre admissões e demissões no ano passado foram menores em relação a 2015

Em Santa Catarina a taxa e admissões e demissões diminui consideravelmente no ano passado em relação a 2015. É o que aponta a pesquisa realizada no Caged – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados.

Em 2015 foram disponíveis 1.019.600 empregos, mas a quantidade de demissões ultrapassou esse número, ao todo foram 1.079.739. Ou seja, a variação entre contratações e dispensas foi de -60.139, o que pode ser considerado como um valor elevado.

Já em 2016, não foram ofertadas tantas vagas, mas a variação entre admissões e demissões foi menor do que em 2015. Foram 865.817 contratações contra 898.823 desligamentos, contabilizando uma variação de -33.006.

Ao somarmos, é possível dizer que nos últimos dois anos foram quase 2 milhões de novas contratações e também de demissões. Além disso, a variação absoluta para esses anos são de -93.145.

Cidades que são destaque no estado apresentaram uma variação negativa com a somatória de 2015 e 2016. Lages registrou uma diferença de -1.836, Brusque -3.531, Blumenau -6.854, Itajaí -5.052, Florianópolis registrou -7.609 e Joinville teve -13.248.

Em contrapartida, algumas cidades registraram uma variação positiva como Itapema com 809, Bombinhas com 529, Curitibanos com 238, Xanxerê com 409, Treze de Maio com 128 e Campo Alegre com 480.

Foto: Caged/Divulgação

Deixe sua opinião