“A Ilha Deserta” será apresentada no Clube de Caça e Tiro e no SESC neste fim de semana

Nesta sexta (24) e sábado (25), espetáculo da Cia Híbridos de Teatro, de Brusque, terá mais duas sessões gratuitas. Circulação da peça foi contemplada pelo Fundo Municipal de Apoio à Cultura

O espetáculo A Ilha Deserta, que circula pelo Fundo Municipal de Apoio à Cultura de Brusque, será apresentado novamente neste fim de semana. Na sexta-feira, dia 24, às 20h, o Clube de Caça e Tiro abre as portas do seu salão principal para receber o trabalho produzido pela Cia Híbridos de Teatro. No sábado, dia 25, no mesmo horário, a sessão acontece nas dependências do SESC. Todas as apresentações são gratuitas e a classificação indicativa é livre.

Para que seja possível estimar o número de pessoas que deverá assistir a cada uma das sessões, e organizar os locais de apresentação confortavelmente, o grupo pede que, se possível, os interessados confirmem presença nos eventos criados na página da Cia Híbridos no Facebook: www.facebook.com/ciahibridosdeteatro. A confirmação não é obrigatória, mas auxilia na preparação do evento.

A circulação teatral A Ilha Deserta recebeu o patrocínio da Prefeitura Municipal de Brusque, através da Fundação Cultural de Brusque e com recursos do Fundo Municipal de Apoio à Cultura (Ano 2016). O projeto já proporcionou à comunidade outras três sessões, a primeira na Escola de Ensino Fundamental Alberto Pretti, bairro Limeira, dia 17, e as outras duas no Teatro do Cescb – Centro Empresarial, Social e Cultural de Brusque, dia 18.

Impressões do público

Alguns espectadores já comentaram suas impressões sobre o espetáculo pelas redes sociais. “Um trabalho extraordinário! Recomendadíssimo aos bons apreciadores do teatro e literatura modernos – uma influência francesa eu diria. A conjugação do silêncio e do sonho retiram o espectador do absurdo doloroso de um já conhecido drama para a tarefa da reconquista de sonhos esquecidos. A angústia segue o ritmo das máquinas de datilografar”, escreveu Jonas Otávio Bilda. “Expresso […] a satisfação de apreciar, de bem perto, o desempenho dos atores e atrizes, perceber seus desempenhos, suas sensações, profissionalismo e me envolver nas ações em perspectivas. Por pouco que não entro em cena! Formalizo cumprimentos ao elenco, ainda envolvido pelo gostoso sentimento de bairrismo ao perceber talentos anônimos escondidos aqui pelo interior do Brasil”, registrou o professor Reinaldo Cordeiro.

Sinopse

E se pudéssemos viver os últimos anos de vida que nos restam em uma ilha deserta, numa cabana à sombra de uma palmeira, sem pensar em horários? Onde não haja juízes, nem divórcios, nem cobradores de impostos, nem guardas… Quando um escritório burocrático à Kafka é transferido de um porão para o décimo andar – de onde é possível vislumbrar o sol, o horizonte, o mar e, principalmente, os navios que chegam e partem, em violento contraste com a imobilidade rotineira, física e mental do cotidiano – eclode entre os funcionários uma pequena revolução. As personagens, que sempre deixaram o princípio da realidade se impor absolutamente ao princípio do prazer, passam, sob o exemplo, as palavras e o ritmo de um mulato, a tentar reorganizar suas existências em clave mágica e aventurosa.

Ficha Técnica

Texto: Roberto Arlt Elenco: Bianca Hoepers Mascarenhas, Fernando César Cardoso dos Reis, Luís Henrique Petermann, Jenifer Schlindwein, Juliana Fantini e Talita Garcia. Direção: Silvio José da Luz.

Iluminação: Giba de Oliveira.

Cenografia: Luciano Mafra.

Sonoplastia: Tiago Moreira.

Serviço – Circulação A Ilha Deserta (últimas apresentações)

*Entradas gratuitas – Classificação Livre

24/3 (sexta)

Onde: Clube de Caça e Tiro Araújo Brusque

Rua Hercílio Luz, 190, Centro, Brusque – SC

Horário: 20h

25/3 (sábado)

Onde: SESC

Av. Arno Carlos Gracher, 211, Centro, Brusque –SC

Horário: 20h

31/3 (sexta)

Onde: SESC

Av. Arno Carlos Gracher, 211, Centro, Brusque –SC

Horário: 20h

Deixe sua opinião